19.12.05

PENA DE MORTE JÁ!

A PENA DE MORTE

Insisto, infelizmente, no tema A Pena de Morte no Brasil. Não é um assunto atraente, mas é necessário pensar um pouco nele. Se os senhores e as senhoras não sabem, ela já está sendo aplicada em massa na nossa Pátria. E começou a ser posta em prática, mesmo, com o processo de "redemocratização" do País, que abrandou as penas e o sistema carcerário no Brasil.
Sábado, 17 de dezembro de 2005, às 18h, mais ou menos, foi executado o dr. Escobar, um dos mais notáveis médicos-psicanalistas do País. Dr. Escobar, que conseguiu salvar da loucura tanta gente, que ajudou a tantos deprimidos, ansiosos e esquizofrênicos, aqui no Recife, foi condenado à morte na movimentada av. Domingos Ferreira, no bairro de Boa Viagem.
Mas que crime hediondo cometeu o psicanalista? Que mal fez à sociedade para merecer tão triste fim? Dr. Escobar, que se deslocava para um dos shoppings da cidade para comprar presentes natalinos aos filhos, observou que um carro, à frente do seu automóvel, ía ser assaltado e , por razões humanitárias, apenas buzinou para ver se evitava o assalto. Bastou esse "crime", essa "ousadia", para receber, dos bandidos que agem impunemente, a "pena capital": uma bala disparada à queima roupa contra o seu peito... Uma única bala ceifou uma vida brilhante de dedicação ao próximo.
Diariamente, no Recife, uma das cidades mais violentas do mundo, dezenas de pessoas são condenadas à morte.Muitas dessas pessoas eram cidadãos honestos, trabalhadores e indispensáveis ao País. Várias tiveram a execução consumada em semáforos, ao estacionarem seus veículos, ao diminuírem a velocidade do automóvel por conta de umas absurdas lombadas eletrônicas colocadas pela Prefeitura do PT nos pontos mais perigosos da cidade! (E por falar em lombadas, várias começaram exatamente a funcionar nesta segunda-feira, dia 19 de dezembro de 2005, em diversos pontos do Recife, facilitando, ainda mais, o "trabalho dos carrascos" que condenam inocentes à morte! )
Existe uma lei infalível da Física, que não pode ser desrespeitada , nem revogada. . E´a denominada Lei da Ação e da Reação". Em outras palavras: " à toda ação deve corresponder uma reação igual e em sentido contrário". Assim, se os bandidos já decretaram a pena de morte, cabe a sociedade reagir à altura, decretando-a, formalizando-a legalmente. Se não houver uma reação, voltaremos à época da Barbárie. Aliás, já estamos nela!

Por uma legislação mais rígida contra assassinos e bandidos em geral!
Pela legalização da pena de morte para ladrões-assassinos
!

Lucivânio Jatobá

18 comentários:

brasileira disse...

A violência no país não começou agora, é bom esclarecer isto e muito menos com as "lombadas" do PT. Se as pessoas tivessem tomado essa atitude antes, em governos passados, contra a violência, hoje talvez, a mesma estivesse menor, mas as pessoas só se preocupam em criticar tal político, tal atitude, tal partido, mas não vão à luta. Temos que esquecer quem está no poder e lutar contra a violência. A mesma prefeitura que colocou essas lombadas, fez várias coisas maravilhosas nesta cidade, mas o egoísmo de certas pessoas não conseguem aceitar, enm elogiar tal atitudes. Saibam que ja se matava sem lombadas eletrônicas. A luta contra a violência não é só da prefeitura do "PT", mas do governo do Estado, do governo federal e da sociedade que tem que deixar de olhar para o próprio "umbigo" e pensar em conjunto. Pena de morte é perigoso nesse país, pois saibam que vai ser condenado, vai morrer pobres, nordestinos, negros.....Em um país que se tem como corrupto juízes, delegados e outros, não se pode aceitar pena de morte. Violência não se combate com violência, mas com justiça social e isso ninguém pode condenar a "Prefeitura do PT". Vamos ser menos partidários e pensar na sociedade mais justa.

Fátima Aroucha disse...

Concordo com você, Vaninho....
Concordo. Estamos vivendo a banalização da vida...está tudo NORMAL, faz parte do cotidiano conviver com assassinatos, roubos, assédio moral...em nome de uma ética medíocre, de um silenciar que fala para dentro!Entope!Entorpece.
Escrever sobre a violência - independente de alusões partidárias(até porque são os políticos os que mais promovem violência) - passa a ser uma obrigação do cidadão!!Todos nós precisamos estabelecer o que queremos e elencar as constantes formas de violências a que somos submetidos.
Banalizar, nunca! Gritar,chamar atenção,questionar... nosso papel enquanto pessoas , até porque a vítima poderá ser qualquer um de nós!
Muito boa a abordagem, Vaninho!

Anônimo disse...

Achei estranho esse seu argumento a favor da pena de morte. Primeiro, o sr mostra, com toda a razão, indignação diante do grande número de assassinatos no nosso Estado. Depois propõe que o Estado faça o mesmo para acabar com o problema! Ou seja, propõe matança para diminuir a matança! Violência para combater a violência. Barbárie para acabar com a barbárie. Achei seu argumento incoerente e ilógico. Existe alta criminalidade entre nós, não por falta de pena de morte, porque ela já existe informalmente, como o sr admite. Ela existe por causa da impunidade. O que falta é uma justiça que funcione. Faltam leis que dêem aos marginais a certeza de que, se delinqüirem, passarão uma longa temporada na cadeia. Falta acabar com a corrupção na polícia. Falta uma justiça mais ágil. Faltam investimentos em educação, para evitar que nossas crianças entrem, desde cedo, na criminalidade, por viverem perambulando nas ruas e usando drogas. Gostaria de lembrar que os países desenvolvidos que resolveram o problema da criminalidade, fizeram isso através de medidas preventivas, e não vingativas, como a pena capital. Devemos imitar países como os europeus e Japão, de criminalidade quase zero, e sem pena de morte. Vamos imitar os que foram bem sucedidos no combate ao crime, através de medidas inteligentes, e não a barbárie.

Verônica Aroucha disse...

Eleger a morte como pena, seria transformar o ato de punir, a um simples ato de vingança. Sei o quanto é difícil, falar em educação
nesse nosso Brasil. Mas creio que a educação é a base para lapidar o ser humano. Assinar uma sentença de morte, é algo muito violento - é matar pensado e desejado; usufruir desse momento, como se fosse um grande prazer, como se estivesse em um circo ou teatro.
Não entra na minha cabeça, por mais violência que exista, não consigo separar a emoção da coerência. Encontremos todos, outra saída menos sanguenolenta. Aí sim, estaremos usando a razão, através de uma legislação mais rígida e outras coisas mais que nossa sociedade precisa: dignidade em sentido vasto.
Grande abraço, meu amigo
Verônica

Anônimo disse...

Oi como vai o senhor, concordo plenamente com justiça, mas não com violência, porque estaria comentendo o mesmo erro do que matou ou cometeu crime parecido, não estamos mas na época do " olho por olho, dente por dente", puni-los sim, mas dessa forma não. Talves seja por isso q o mundo esteja dessa forma,onde nao existe tolerância, humildade, honestidade e principalmente amor ao próximo, pode ser q alguem ache utopia, mas é a realidade, nao que eu defenda q eles sejam os "santos", porque eles merecem a punição e alta, mas que venha a acrescentar na sua personalidade de forma positiva. Beijos e tenha um ótimo dia e um ótimo trabalho... Xau

Anônimo disse...

Olha, Lucivânio, vc tá mais do que certo. Basta! Bandido tem que morrer e em rito sumário. Precisamos criar uma lista de parlamentares e candidatos que propiciem esse alívio à sociedade brasileira. Chega de sustentar essa cambada, que inclui, além dos bandidos pé-de-chinelo, policiais, advogados-de-porta-de-cadeia e até magistrados, que põem de volta nas ruas os poucos bandidos que a parte boa da polícia consegue prender. Chega desse nhem-nhem-nhem de direitos humanos e estatuto de deliquentes de qualquer idade. Uma bala na cabeça é o que essa escória precisa. Pena de morte já para sequestradores e latrocidas!

Eddie - Caruaru

Tiago disse...

Acredito na licitude da pena de morte.
A pena de morte sempre esbarra em distorções bíblicas. Por isso recomendo o artigo:
http://www.doutrina.linear.nom.br/artigos/Antigos/Pela%20Pena%20de%20Morte.htm

e o site da Montfort que defende a pena capital: www.montfort.org.br

Anônimo disse...

ACHO UM ABSURDO O QUE ESSES POLÍTICOS ESTÃO FAZENDO COM NOSSO PAIS,UMA CORJA DE VAGABUNDOS SEM ESCRUPULOS,SEM MORAL,QUE SO PENSAM NELES E EM SEUS TRANBIQUES.Enquanto cidadãos brasileiros"ESTAMOS SUJEITOS A PRÓPRIA SORTE,OU A PRÓPRIA MORTE.

Neto disse...

O problema do nosso país é a quantidade de pessoas no poder, tem tanta gente que ficam brigando para ver quem vai administrar(limpar) tal ministério, e os Brasileiros nem se dão conta disso, se alguem aqui já percebeu otimo, mas para quem ainda não é só ler ou assistir um jornal e ver que todas as discussoes e desavenças giram em torno disso. Quanto a pena de morte, sou a favor sim, principalmente se os primeiros da fila forem esses "políticos", "juizes" corruptos e ladroes. Mais uma coisa, quando existe uma CPI, não deveria ser uma investigação comtra o crime organizado? Porque politico investigando politico? só se formos otários. Cade a policia federal para investigar esses crimes de desvio de verbas publicas e todos os outros que nós sabemos?
O exemplo vem de cima, se lá roubam e não acontece nada, então embaixo podemos fazer o mesmo?

Vi alguns comentarios sobre já existir crimes, as pessoas acham isso normal, e se alguem reclama, atacam com pedras, esses são os verdadeiros hipocritas.

Anônimo disse...

Pena de morte já existe, para o cidadão que porta um simples celular. Sem direito a defesa, é simplesmente decretada e executada pelo bandido. Se tivessem aplicado a pena capital no marginal Batoré quando cometeu o primeiro assassinato, teria poupado a vida de outras dez. Tem muita gente que é contra a pena de morte, mas defende o aborto, ou seja, a morte de uma criatura inocente, indefesa.

Anônimo disse...

PENA DE MORTE PARA TODOS QUE FOREM FIMADOS PRATICANDO UM CRIME EDONDO COM SEQUESTRO CORRUPÇAOE E DESVIO DE VERBAS PUBLICAS E PRIVADAS ,MAS TEM QUE SER PROVADO POR GRAVAÇAO ESCUTA TELEFONICA OU IMAGENS QUE COMPROVE QUE A EÁ PESSOA QUE ESTA COMETENDO O CIME AI SIM ELA PODE ARGUMENTAR DE TODAS AS FORMAS MAS AI MAGEM EAS ESCUTAS NAO PODEM SER DESMENTIDAS ,. PODE COLOCAR A PENA DE MORTE PARA ESSES PORQUE ELES ESTAO MERWECENDO

Alvaro disse...

Seus argumentos são coerentes e fundamentados.
O demônio tem muitas faces e uma delas é se mostrar bonzinho.
O canalha está sempre fazendo o papel de bonzinho. É contra pena de morte e prisão perpétua mas está sempre promovendo o mal, de um jeito ou de outro.
A não existência de
pena de morte no Brasil é para proteção dos bandidos que estão no Legislativo, Executivo e Judiciário mascarados de cidadãos decentes. O resto é enganação ingenuidade e burrice.

Anônimo disse...

Em nosso pais de covardes,a pena de morte cairia como oma luva.
Bandido bom e bandido morto.

Anônimo disse...

Em nosso pais de covardes,a pena de morte cairia como oma luva.
Bandido bom e bandido morto.

Anônimo disse...

Vomos fazer camiseta,a favor da pena de morte ja.

Sérgio disse...

Quando um câncer está destruindo o organismo o que fazemos? Extirpamos.
Com assassinos sociopatas só algo a fazer, eliminá-los. Que compara a execução de um assassino com um assassinato devia ser morto também.

Sérgio disse...

Toda a população devia se armar. Daí quando um assassino como o que matou o dentista em São José dos Campos viesse com a arma em punho seria recebido com dezenas de balas na sua cara. Povo armado é povo seguro.

Sérgio disse...

Quando um câncer está destruindo o organismo o que fazemos? Extirpamos.
Com assassinos sociopatas só algo a fazer, eliminá-los. Que compara a execução de um assassino com um assassinato devia ser morto também.